11/06/2014 - Por Reflexões

Razões para namorar uma feminista

Para comemorar o dia dos namorados, a equipe NAQ queria explorar os relacionamentos dentro de uma perspectiva feminista! Para isso, convidamos as pessoas mais próximas que tínhamos – nossxs proprixs namoradxs!

Acompanhe os dois primeiros textos: 1 e 2 😀

Namoro a Carol já tem 2 anos e meio e, até agora, ainda não vi nada de chato. A Carol as vezes me parece ser como uma descendente de Midas: tudo em que coloca a mão da certo. É claro que junto com esse toque vem muito sacrifício. Essa essência dela parte de um princípio de que ela tem toda a capacidade para ser quem ela quiser. O que há de errado nela em esperar ter os mesmos direitos que um homem? Nada.

Do meu lado agora, devo dizer que toda essa dedicação natural é algo que me inspira em diferentes níveis. O primeiro deles é claro acaba sendo no quanto eu me esforço ou me dedico às diferentes partes da minha vida. Há um crescimento claro da minha parte – recíproco a essa dedicação que acompanho diariamente – e por isso sou sempre muito grato a ela. Quanto ao nosso relacionamento, em si, devo dizer que ele não é pautado por quem paga as contas, quem cozinha ou qualquer um desses fatores vazios que envolvem gênero. Não encho o saco dela pela roupa que ela escolhe usar (apesar de que as vezes – com razão – ela enche o meu) nem por ela sair sem mim. Não faço distinção de quando estou com meus amigos e quando estou com ela, porque partimos da premissa que estar com os amigos, a princípio, é estar um com o outro.

Conselho de amigo: se for pra namorar, que seja uma feminista. Ela provavelmente é uma pessoa que sabe abraçar boas oportunidades, e, nesse sentido, vai te ajudar a fazer o mesmo. Se você gosta de futebol e namorar uma feminista, você não vai ter que se preocupar com nada a não ser assistir o jogo, pois das duas uma: ou ela gosta de futebol, ou ela entende que você – assim como ela – tem gostos e vícios particulares e vai respeitar, ou melhor ainda, te acompanhar. Se você é do tipo de pessoa que gosta de tomar uma cerveja com os amigos sem estar junto da sua namorada, também é muito recomendado você namorar uma feminista, afinal de contas, ela deve ser uma pessoa mais independente, e portanto não vai ficar triste se você não ficar com ela sempre (aliás, é capaz que ela arranje algo ainda mais legal para fazer).

Mas é especialmente recomendado se relacionar com feministas caso você goste de ter ao seu lado pessoas que buscam ir além, respeitando particularidades e vontades próprias, assim como as dos outros ao seu redor.

João Viégas

Tags:, , ,

Comentários